O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

A música “Tô” e fazer tudo o contrário para as coisas funcionarem

Eu, Cris, sempre me surpreendo com a crença da maioria das pessoas que a vida pode ser completamente programada e que podem ser estabelecidas metas claras para se cumprir e alcançar. E, mais incrível ainda, acham que o todo o programado acontece e com certeza, para quem faz as coisas direitinho.
Que a vida não vai surpreender e nada inesperado de bom ou ruim vai acontecer, para quem sabe usar sua racionalidade para planejar e controlar.
E, quando a vida não cumpre sua “parte no acordo” acham que ela é injusta, se sentem perdidos e perplexos e não sabem o que fizerem de errado: “… talvez eu não tenha planejado e controlado o tanto necessário”.

Ô onipotência! Como dizem os gregos, cometem o “pecado” da hybris, se acham maiores do que são, se julgam deuses.
A vida é muito além de nossos desejos, nosso planejamento, nosso controle: ela não nos obedece!

Não quero dizer que não devemos nos planejar, ter um certo controle de nossas vidas, mas com a certeza que só podemos fazer a nossa parte e a vida pode mudar TUDO!
O melhor é fazer o que tivermos que fazer e seguir o fluxo que vem a partir daí.

Essa música, Tô, do Elton Medeiros e do Tom Zé, para mim, fala disso ao propor que fazer tudo ao contrário pode também ser um caminho! Acho sensacional.
Então, para quem está com ataque de Hybris, dá-lhe Tô.
Além disso, a Zélia Duncan é uma cantora sensacional e os músicos que a acompanham nessa gravação são extraordinários! Aproveitem!!!
 

Texto de Cristina Balieiro

2 comentários

  1. Ari Pedro disse:

    Tita do coração!

    completamente de acordo…

    bjão

    aripedro

  2. Que bom vc aqui, primo do meu coracão, mesmo que de longe. Beijão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *