O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Marion Woodman fala sobre a relação simbiótica de mãe e filha

No mito grego de Deméter e Perséfone, enquanto mãe e filha estiverem inconscientemente conectadas, vinculadas numa participação mística, a filha é simplesmente Kore, a palavra grega para donzela. Ela não…

Polly Young – Eisendrath fala sobre a musa

(…) a musa não é ela mesma. Ela está sempre sob o controle de seu mestre: ele é o Sujeito e ela é o Objeto de Desejo. Uma mulher que…

Jung fala sobre as mandalas e o Self

Obrigado a viver, eu mesmo, o processo do inconsciente, tivera que me abandonar inicialmente a esse fluxo, sem saber para onde teria seria levado. Só quando comecei a pintar as…

O Natal e a Criança Divina

A noite de Natal se aproxima e cada vez mais vemos essa festa, que é religiosa, perder todas suas características. Tornou-se uma festa para o consumo, comilanças, correria, stress, reuniões…

Jung fala sobre a vida como eterna inovação

Ninguém pode fazer história se não quiser arriscar a própria pele, levando até o fim a experiência de sua própria vida, e deixar bem claro que sua vida não é…

Marie-Louise von Franz fala sobre cura

Se não for possível estabelecer um relacionamento com o numinoso, nenhuma cura é possível; o máximo que podemos esperar é uma melhora no ajustamento social. PSICOTERAPIA – pág. 199

Robert Stein fala sobre a totalidade

  (…) tanto o Feminino quanto o Masculino, como o yin e o yang, são qualidades universais da alma às quais devemos ter acesso para sentir e expressar nossa totalidade….

Barbara Black Koltuv fala sobre o ciclo lunar

Num nível biológico básico, as mulheres são diferentes: nós temos um ciclo lunar. Somos capazes de carregar e nutrir outra vida dentro de nós mesmas, de dar à luz e…

Nancy Qualls-Corbett fala sobre a falta do feminino sagrado

Quando o feminino divino, a deusa, deixa de ser reverenciado, estruturas sociais e psíquicas tornam-se supermecanizadas, superpolitizadas e supermilitarizadas. O pensamento, o julgamento e a racionalidade tornam-se os fatores dominantes….

Marie-Louise von Franz fala sobre o legado de Eva

Eva roubou uma maça, e com isso trouxe para a humanidade a possibilidade da consciência e a certeza da morte. A vida só se torna real quando é delimitada pela…

Marion Woodman fala sobre o Feminino

Na parte feminina do nosso ser encontra-se um lado muito mais lento, menos racional, que se movimenta de modo bem mais espontâneo, natural, receptivo, uma parte que aceita a vida…

Jung fala sobre a individualidade

Cada vida é um desencadeamento psíquico que não se pode dominar a não ser parcialmente. (…) O que se tornará essa vida, ninguém sabe. MEMÓRIAS, SONHOS, REFLEXÕES – pág. 19