O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Pensamentos e Imagens


O domínio sobre o medo da morte é a recuperação da alegria de viver. Só se chega a experimentar uma afirmação incondicional da vida depois que se aceita a morte, não como algo contrário à vida, mas como um aspecto da vida. A vida, em sua transformação, está sempre destilando a morte, está sempre à beira da morte. Essa é uma das grandes mensagens da mitologia. Eu, tal como me conheço hoje, não sou a forma definitiva do meu ser. Constantemente temos de morrer, de um modo ou outro, para aquele nível de ser já atingido. 
Joseph Campbell

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *