O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

O Feminino e o Sagrado – novos poemas e um desenho

Depois que escrevi o primeiro artigo sobre esse assunto, postado em 27 de setembro, fiz esse desenho para ilustrar, de forma simbólica, o que escrevi.Colocar no papel minhas imagens internas é, para mim, quase um exercício físico que expressa o que sinto, o que penso e como vejo, algo ou alguém!É como se a energia psíquica de quisesse se fazer concreta!

Além disso , me lembrei de dois outros poemas, que falam na maravilhosa linguagem dos poetas, sobre o Feminino Sagrado.

O primeiro de ALICE RUIZ e se chama ROSAI POR NÓS:

nossa senhora da flor roxa

rosai por nós

assim na vida como no chão

a primavera de cada ano

nos dai hoje

encantai nosso jardim

assim como encantamos

o do nosso vizinho

e não nos deixei cair em tentação

de esquecer tuas flores.

O segundo é da grande ADÉLIA PRADO e se chama SINAL NO CÉU:

É um tom de laranja

sobre os montes

um pensamento inarticulado

de que a Virgem

pôs o mundo no colo

e passeia com ele nos rosais.

AMÉM!!!

Texto e ilustração de Cristina Balieiro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *