O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Esther Harding fala sobre o processo criativo

esther

 

A inspiração ou o germe de um trabalho criativo, de um filho da imaginação, vem não do pensamento consciente do homem, mas surge das profundezas escondidas do seu ser. A inspiração parece, de fato, para o seu assim chamado autor, ter uma existência per se, ter preexistido antes que ele fizesse alguma coisa a respeito. Todos os impulsos criativos tem essa qualidade peculiar.

OS MISTÉRIOS DA MULHER – pág. 280

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *