O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

Conto de fadas sobre como alimentar seu amor

sultana 1aPor que a rica sultana era infeliz? Afinal, o sultão achava que ela tinha tudo do bom e do melhor!

Esse é o tema dessa deliciosa historia da tradição suali da Africa muçulmana, perfeita para começar a semana do Dia dos Namorados.

Ela fala em como ser amável com o amor,  e não serve apenas para namorados e namoradas, mas também para amigos, filhos, pais, irmãos, alunos, pois trata de  amor em todos os níveis. 

Está em “103 contos de fadas” de Angela Carter, livro feminino e feminista que muito recomendo.

 

Usultana1m sultão vivia com a mulher no seu palácio, mas a mulher era infeliz. Ela ficava cada dia mais magra e apática.

Na mesma cidade havia um pobre homem cuja mulher era saudável, bem nutrida e feliz. Quando o sultão ouviu isso, chamou o homem à corte e lhe perguntou qual era seu segredo. O homem respondeu: “Muito simples. Eu a alimento com a língua.”

O sultão mandou chamar o açougueiro e lhe disse que todas as línguas de animais deveriam ser vendidas a ele, sultão. O açougueiro fez uma mesura e foi embora. Todos os dias enviava ao palácio as línguas.

O sultão mandou que o cozinheiro as preparasse de todas as maneiras possíveis, assadas, fritas, cozidascantor1d. A rainha tinha que comer as línguas três ou quatro vezes por dia– mas a coisa não funcionou. Ela ficava cada dia mais magra e adoentada.

O sultão ordenou ao pobre homem que trocasse sua esposa pela dele – e o homem concordou com certa relutância. Ele levou a rainha magra para casa e enviou sua esposa para o palácio. Infelizmente, a esposa do homem pobre foi ficando cada dia mais magra, apesar da boa comida que o sultão lhe oferecia. Era evidente que ela não ficava bem no palácio.

O homem pobre, ao chegar em casa à noite, saudava sua nova (real) esposa, contava-lhe o que tinha visto, principalmente as coisas engraçadas, depois lhe contava historias que a faziam torcer de rir. Em seguida pegava o banjo e cantava para ela. Ele conhecia varias canções. Ele ficava até tarde da noite brincando com ela e a divertindo. 

casal 1e

E então, pronto! A rainha ganhou peso em poucas semanas, ficou com ótimo aspecto, a  pele lisa e brilhante como de uma menina. E passava o dia sorrindo, lembrando as coisas que ele lhe contava.

Quando o sultão mandou que sua esposa voltasse para o palácio, ela se recusou. Então o sultão foi busca-la e a encontrou muito mudada e feliz. Perguntou o que o homem pobre fizera e ela lhe contou.

Então, o sultão entendeu o significado de alimentar com a língua.

2 comentários

  1. Ana disse:

    Bom dia meninas ! Exposição legal na Faap: http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2016/04/museu-da-faap-apresenta-exposicao-sobre-mulheres-modernistas.html
    É linda, tem uma mesa com cartas com história de várias mulheres,vale a pena! Beijos

    1. biapicchia disse:

      Boa dica, Ana! Obrigada!

Deixe uma resposta para biapicchia Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *