O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

“Estou perto demais para ele sonhar comigo…” a clara poesia de Wislawa Szymborska

A poesia tem um poder concentrado que (se te pegar) esclarece, amplia, aquece, comove, ampara, enfim, tem efeito profundo e benéfico em suas áreas internas que precisam ser cuidadas (justamente por isso te pegou, claro).

Veja por exemplo a poesia de Wislawa Szymborska, a polonesa ganhadora do Nobel que adoro. É feminino, é universal. Peguei alguns trechinhos de seu último livro que podem iluminar dias obscuros, por exemplo em que…

Você está achando a vida desestimulante:

Ontem me comportei mal no universo/ vivi o dia inteiro sem indagar nada / sem estranhar nada. /Executei as tarefas diárias / como se isso fosse tudo o que devia fazer/ Inspirar, expirar, um passo, outro passo, obrigações/ mas sem um pensamento que fosse/ além de sair de casa e voltar para casa/O mundo podia ter sido percebido como um mundo louco/ e eu o tomei apenas para uso habitual/…

Você não sabe porque ele já não a vê como antes:

Estou perto demais para ele sonhar comigo / não pairo sobre ele, não fujo dele / sob as raízes das arvores. Estou perto demais….

Você se achar muito louca em comparação com os seres “normais” e práticos:

Tem aqueles que executam a vida de modo eficaz/ põe ordem em si mesmos e ao seu redor/ tem resposta correta e jeito para tudo. Adivinham logo quem a quem, quem com quem, com que objetivo, por onde./ Batem o carimbo nas verdades únicas,/colocam no triturador os fatos desnecessários,/e as pessoas desconhecidas/ em fichários de antemão destinados a elas./Pensam só o quanto vale a pena,/ nem um instante a mais,/pois detrás desse instante espreita a duvida./e quando recebem dispensa da existência,/deixam o posto/ pela porta indicada./As vezes os invejo – por sorte passa.

Do livro Um amor feliz, da Companhia das Letras.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *