O Feminino e o Sagrado um jeito de olhar o mundo

2 comentários

  1. Ana Nazaré disse:

    Ebaaaa, dessa vez eu posso!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *